quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Um tiro na cabeça e era pouco

Ontem no regresso a casa ouvi uma senhora (de nariz muito empinado, porém sem qualquer tipo de classe) dizer o seguinte:
"Nós não temos nada de aprender inglês, eles que aprendam português"
Confesso que tive vontade de lhe dar um berro e dois safanões. Lamento que o português não tenha um papel hegemónico como o inglês, agora não pode limitar o uso da lingua inglesa às situações:
English man coming to Portugal vs Portuguese man going to England
A língua inglesa acaba por ter um papel unificador entre os povos. Provavelmente se viajasse mais e contactasse com pessoas de diferentes nacionalidades, saberia disso. Por muito que tenha orgulho na minha língua tenho a plena consciência que em todos os cantinhos deste Mundo vou encontrar sempre alguém que fala inglês.
At last but not least o saber não ocupa lugar and by the way burro velho não aprende línguas.

3 comentários:

Me disse...

Ai Santa ignorância...

E a ignorância não é não saber falar... é achar que não tem que saber...

Tristeza...

fafiaes disse...

я гаварю по англиский

пока!:)

Olhos Dourados disse...

Pois, eu cá gostava de aprender as linguas todas, mas só sei 3.

DIREITOS DE IMAGENS

Todas as imagens neste blog são retiradas de outros sites e usadas apenas para fins recreativos.
Não é pertendido usar os direitos de autor de outros, por isso sempre que possível é referida a fonte.
Caso alguma imagem esteja contra este estatuto mande-me um e-mail.